Associados do Sindicato Rural recebem restituição por cobrança indevida

Valores são referentes a cobrança indevida por salário educação

por Matheus Alves
Fonte: Caio Machado - NTV
06/07/2022 - 17h10

Patos Já - Associados do Sindicato Rural recebem restituição por cobrança indevida

Cerca de 50 mil reais foram devolvidos aos cofres de produtores rurais patenses que realizavam o pagamento indevido da folha de pagamento dos funcionários a título de salário educação.

O produtor rural e médico Tarcísio de Paula foi um dos contemplados da primeira ação coletiva movida pelo sindicato.

Referente ao financiamento de ações voltadas ao desenvolvimento do ensino público, o salário educação é cobrado há mais de 25 anos aos produtores rurais. Após o recebimento da rescisão, os produtores ficam isentos de pagar o recolhimento.

O processo levou dois anos para ser concluído e quanto maior o valor a ser revisto, maior o tempo de espera. Segundo a diretora Jane Campos, o Sindicato está à disposição dos produtores rurais interessados em se juntar a ação coletiva para receber os vencimentos de volta.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG