Banco terá que ressarcir servidores municipais por descontos indevidos em conta

Além da devolução, terá que pagar R$ 5 mil, que será destinado ao Fundo de Proteção e Defesa do Consumidor

por Redação Patos Já
04/11/2019 - 12h00

Patos Já - Banco terá que ressarcir servidores municipais por descontos indevidos em conta

O Procon de Patos de Minas informou nesta segunda-feira (4/11), ter dado fim ao impasse junto ao Banco Santander, responsável pelos serviços bancários de processamento e gerenciamento de créditos relacionados à folha de pagamento do funcionalismo municipal. A questão vinha sendo tratada, para solucionar possíveis descontos indevidos nas contas dos servidores.

As partes firmaram um Compromisso de Ajustamento de Conduta, para a devolução dos valores, relacionados a cobrança de tarifas e mensalidades, que foram descontadas indevidamente, entre os meses de janeiro e agosto de 2019.

Além disso, para dar fim aos procedimentos instaurados, o Santander terá que pagar R$ 5 mil, que será destinado ao Fundo Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor. Em caso de descumprimento, o banco terá que pagar multa no mesmo valor.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG