Gasolina e gás de cozinha sofrem novo aumento

Com a mudança, o gás de cozinha já consome mais de10% do salário mínimo

por Paula Mota
11/10/2021 - 16h30

Patos Já - Gasolina e gás de cozinha sofrem novo aumento

A Petrobras anunciou mais um aumento, desta vez de 7,2% no preço da gasolina e do gás de cozinha. De acordo com a empresa, o reajuste tem o objetivo de evitar o desabastecimento de combustíveis no país.

A medida passou a valer no último sábado. Com a alteração, o preço da gasolina passará de R$ 2,78 para R$ 2,98. Como o combustível vendido nos postos é composto em 27% por etanol, o aumento da parcela da Petrobras no produto vendido ao consumidor final é de R$ 0,15 por litro. No caso do gás de cozinha, o preço médio passará de R$ 3,60 para R$ 3,86 por quilo.

De acordo com dados do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo, no Brasil, o preço final da gasolina subiu 39,6% e o do gás, 34,67% em números acumulados dos últimos 12 meses até setembro. A tendência é que os valores permaneçam em alta até o fim do ano.

Com isso, pesa ainda mais o bolso do consumidor, que deixa de ter poder de compra e se vê sem muitas alternativas para driblar a crise. Para se ter uma ideia, o preço do gás de cozinha já consome mais de 10% do salário mínimo atual, de R$1.100. A última vez que o gás de cozinha esteve acima de 10% foi em 2001, quando atingiu 10,38% do salário mínimo da época.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG