Horticultura foi área mais prejudicada com geada em Patos de Minas, diz Emater

Na sequência os pastos foram mais comprometidos com 15,2% da área

por Redação Patos Já
Fonte: Assessoria de Comunicação - Emater-MG
17/08/2021 - 16h00

Patos Já - Horticultura foi área mais prejudicada com geada em Patos de Minas, diz Emater

As geadas do mês de julho, em Minas Gerais, ocorreram em 257 municípios com áreas em produção de pastagens, grãos, frutas, hortaliças e flores. Do total de área cultivada com essas culturas, nos municípios onde foram registradas a ocorrência de geadas, estima-se que o fenômeno climático tenha afetado aproximadamente 31,7% da área, com prejuízos para cerca de 24 mil produtores rurais.

Segundo dados informados pela Emater nessa segunda-feira (16), em Patos de Minas a área mais afetada pelas geadas foi a horticultura, perca de 27,9% da área plantadas. De acordo com os dados, a regional de Patos de Minas contabilizou que as geadas atingiram 13,7% da área cultivada por fruticultura.

Ainda, as áreas de cultivo de grãos tiveram perca de 10% com as geadas. Já as pastagens de Patos de Minas contabilizam 15,2% de prejuízos com gelada.

Este foi o resultado do levantamento realizado pela Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG). Pelo levantamento geral, estima-se que os grupos que tiveram mais produtores afetados foram os de pastagem, com cerca de 16.260, seguido pelos de olericultura (hortaliças) e de fruticultura, com aproximadamente 3.885 e 2.455 agricultores, respectivamente.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG