Sind-UTE/MG diz que greve dos professores da rede estadual vai até o dia 17 de julho

O objetivo, segundo a categoria, é proteger os trabalhadores da educação

por Odair Cardoso
12/07/2021 - 16h00

Patos Já - Sind-UTE/MG diz que greve dos professores da rede estadual vai até o dia 17 de julho

Teve início nesta segunda-feira (12), a deflagração de uma greve dos professores da rede estadual em Minas Gerais. A decisão foi tomada na semana passada no conselho geral do Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sind-UTE/MG).

De acordo com Ricardo Barreto, que coordenador do Sind-UTE/MG em Patos de Minas, a paralisação seguirá até o dia 17 de julho. Ele destaca que o governo modificou os parâmetros para o retorno presencial nos municípios, incluindo a retomada também na onda vermelha. Para o sindicalista, o objetivo principal é a proteção dos trabalhadores da educação, "é uma forma de proteger todos os servidores contra uma contaminação, contra o risco de chegar até uma situação pior, que é a morte", ressalta.

Ricardo Barreto disse também que como se trata de uma greve sanitária, o andamento das atividades é normal com o trabalho sendo feito em casa. Ou seja, os professores continuam com o tele trabalho, sem retomar as atividades presenciais.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG