Acusados de envolvimento na morte de taxista vão a juri nesta terça-feira em Patos de Minas

por Redação Patos Já
24/11/2020 - 10h00

Patos Já - Acusados de envolvimento na morte de taxista vão a juri nesta terça-feira em Patos de Minas

Serão levados a juri nesta terça-feira (24), no Fórum Olympio Borges em Patos de Minas, dois acusados da morte do taxista, Rainelle Hylário Soares, assassinado com cinco tiros dentro do próprio carro, na madrugada do dia 5 de janeiro de 2019, na Rua Vicente Gonçalves Primo, no Bairro Coração Eucarístico.

Foram denunciados pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais, os réus, Daiana Aparecida Buzar e Wemerson Glécio Ferreira Rosa. Ele é acusado de ter sido quem adquiriu a arma de fogo que foi utilizada no homicídio do taxista e de participação direta no crime.

Segundo o MP, o acusado juntamente com Ricardo Elias Soares, estavam acompanhados das namoradas no carro da vítima. Wemerson é quem teria atirado duas vezes contra a nuca de Rainelle. O texto também aponta, que ao descerem do veículo, Ricardo Elias fez três disparos que atingiram a cabeça da vítima.

Para o Ministério Público, Daiana Aparecida Buzar, ocultou a arma de fogo em sua residência a pedido dos envolvidos no crime. O MP pede a condenação dos dois réus, por cometerem crime com motivo torpe, mediante recurso que dificultou a defesa da vítima.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG