Higor Aquino é condenado a 14 anos de prisão por assassinato cometido em 2018

 O crime teria sido motivado por um relacionamento que a vítima mantinha com ex-mulher do réu

por Redação Patos Já
31/07/2019 - 08h00

Patos Já - Higor Aquino é condenado a 14 anos de prisão por assassinato cometido em 2018

Foi julgado no Fórum Olympio Borges em Patos de Minas nessa terça-feira (30), Higor Aquino de Araújo, acusado de assassinar Matheus Ferreira Fernandes, em um crime ocorrido há um ano e quatro meses em Patos de Minas. O assassinato, segundo os autos do processo, foi motivado por um relacionamento que a vítima mantinha com ex-mulher do atirador. A condenação foi dada após horas de depoimentos e análises da acusação e defesa.

O crime aconteceu em março de 2018 em uma residência no bairro Sorriso em Patos de Minas, quando segundo a polícia, Higor Aquino foi até a casa da ex-companheira, com que tem uma filha, e atirou por pelo menos quatro vezes contra Matheus Ferreira Fernandes, de 18 anos. Um dos disparos acertou a cabeça da vítima, que foi socorrida, mas não resistiu e faleceu.

Depois de  4h40 minutos de julgamento, e com as qualificadoras de recurso que dificultou a defesa da vítima, além de motivo torpe, Higor Aquino de Araujo foi condenado a 14 anos de prisão em regime fechado.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG