Após denúncia de familiares de presos visitas remotas são realizadas em Patos de Minas

Na APAC visitas presenciais foram retomadas

por Redação Patos Já
12/09/2020 - 11h00

Patos Já - Após denúncia de familiares de presos visitas remotas são realizadas em Patos de Minas

Há cerca de cinco meses sem visitas presenciais, familiares dos presos do Presídio Sebastião Satiro reclamaram recentemente que não estavam tendo nem as visitas remotas, como em outros presídios e penitenciárias do estado.

Após reportagem da Ntv e do Patos Já, o Departamento Penitenciário - DEPEN-MG - postou em suas redes sociais nessa sexta-feira (11) que o presídio de Patos de Minas já está realizando as visitas familiares virtuais e que aproximadamente 300 visitas remotas aproximaram custodiados dos seu familiares. Ainda de acordo com a publicação, cada ação adotada tem como objetivo amenizar os impactos do distanciamento social.

A suspensão das visitas foi uma das medidas adotadas pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública – SEJUSP- como forma de contenção da Covid-19 nas unidades prisionais do estado. Com isso os familiares podem ter contato com seus parentes de três formas: por meio de cartas, ligações telefônicas ou videoconferências nas unidades em que essa tecnologia já está disponível. O Presídio Sebastião Sátiro só passou a realizar esta modalidade de contato recentemente.

As visitas virtuais são resultado do projeto “A esperança vem de casa”. Para participar basta que o visitante já tenha o seu cadastro autorizado para a visitação convencional. A direção de atendimento da unidade é a responsável por fazer a ligação para o familiar e orientar sobre a instalação do aplicativo utilizado. Depois é agendada a data e o dia. 

Visitas na APAC

Enquanto as visitas presenciais não são retomadas no Presídio Sebastião Satiro, na Associação de Proteção e Assistência aos Condenados - APAC de Patos de Minas os 47 recuperandos voltaram a ter contato com seu familiares. As visitas acontecem desde o dia 16 de agosto e são realizadas de 15 em 15 dias.

Para que isso seja possível, a FBAC - Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados – estabeleceu algumas regras como i distanciamento, os visitantes não podem tocar seus parentes, o uso de máscara, álcool gel, na portaria o visitante deve passar por um tapete úmido com água sanitária, os funcionários da APAC são paramentados com vestimenta especial e é medida a temperatura e o nível de oxigênio dos visitantes.

  • Após denúncia de familiares de presos visitas remotas são realizadas em Patos de Minas

Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG