Gestante vazantina reclama de atendimento médico do SUS recebido em Patos de Minas

Queixa se soma à dezenas de outras relatadas por pacientes

por Redação Patos Já
16/09/2020 - 16h00

Patos Já - Gestante vazantina reclama de atendimento médico do SUS recebido em Patos de Minas

Jéssica Batista da Costa, moradora da cidade de Vazante e prestes a dar a luz viveu momentos de tensão nesta quarta-feira (16). Segundo a gestante, ela começou a perder liquido amniótico e procurou atendimento médico na sua cidade. Os profissionais então a transferiram para Patos de Minas para que o parto fosse feito.

Chegando na capital do milho, uma nova transferência. Pouco depois que mulher deu entrada no Hospital Regional Antonio Dias foi novamente realocada, mas dessa vez para o Hospital São Lucas. Quando ela finalmente foi atendida, recebeu a informação de que o médico não faria o parto, afirmando que a bolsa não estava rompida.

Somente após a gravação da nossa reportagem, Jéssica foi informada que seria submetida à um exame de ultrassom, dessa vez, no Hospital Regional. O procedimento serviria para constar se a bolsa da mulher realmente havia rompido e se o parto poderia acontecer hoje ainda.

A queixa da grávida se soma às dezenas relatadas por gestantes que necessitam de atendimento médico pelo SUS em Patos de Minas.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG