Homens são presos com quase R$ 180 mil em Patos de Minas

Os dois homens podem pertencer a associação criminosa

por Matheus Borges
22/11/2020 - 21h30

Patos Já - Homens são presos com quase R$ 180 mil em Patos de Minas

Na tarde deste domingo (22), foram apreendidos R$ 179,618,00 e diversos materiais. Dois homens foram presos. Os suspeitos foram vistos na Rua Cristino Vida, Bairro Jardim Centro. Militares constataram que na caminhonete L200 estava Renato Aurélio Boaventura Marques Araújo, de 36 anos, que segundo informações é irmão de Regis Ricardo Boaventura Marques Araújo, conhecido como Alcunha Socada, que seria membro de uma organização criminosa em Patos de Minas.

A abordagem aconteceu na Avenida Fátima Porto, lá os polícias militares constataram que no veículo estava Renato Aurélio Boaventura Marques Araújo, de 36 anos e Vinicius Silveira de Mendonça, de 30 anos, conhecido como AlcunhaTatu, que pertence a organização criminosa composta pelo irmão de Renato. Após busca no carro, foi encontrada uma mochila infantil, nela havia R$ 176,302,00.

Na casa de Vinicius, no guarda roupa do quarto dele, foram encontrados uma pistola 380, quatro carregadores, 76 munições calibre 380, uma máquina de cartão, um rádio comunicador, 36 comprovantes de transações bancárias, sendo 13 a partir de 2017 até 2018 nos valores variados de R$ 250,00 a R$ 700,00, 10 comprovantes entre 2017 a 2018 no valor de R$ 250,00 e mais 13 comprovantes de depósitos de 2018 a 2020 com valores de R$ 60,00 a R$ 1.500,00. Ainda, uma barra de maconha, uma barra pequena, quatro tabletes também de maconha, uma balança de micropesagem, um papelote de cocaína, dois papelote de entorpecente sintético do mesmo entorpecente, 24 munições de calibre 9 milímetros e R$ 3.368,00. Na casa haviam dois carros da propriedade de Vinicius, sendo I/Audi A6 e um Ford/Fiesta Sedan, em cada um deles foi apreendido um tablete de maconha. Os celulares dos homens foram apreendidos. Na casa de Renato nada foi encontrado.

Renato foi preso por lavagem de capitais, associação criminosa e associação para o tráfico de drogas, já Vinicius por lavagem de capitais, associação criminosa, posse ilegal de arma de fogo/munições e tráfico de drogas.

Vale lembrar que, informações apontam que no dia 11 deste mês, denúncias chegaram para a Polícia Militar que Regis Ricardo Boaventura Marques Araújo, irmão de Renato, estaria na residência de Leomir Martins Gomes, membro de outra organização criminosa em Patos de Minas, e que estaria recolhendo dinheiro que seria do tráfico de drogas, no dia foi apreendida uma grande quantidade de dinheiro, drogas, munições, uma arma de fogo. No dia Leomir e Regis foram presos por lavagem de dinheiro do tráfico de drogas, tráfico de drogas, porte ilegal de arma e associação para o tráfico.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG