Informe epidemiológico diz que três pessoas morreram por SRAG em Patos de Minas

Ainda não se sabe qual vírus provocou o agravamento dos casos

por Redação Patos Já
12/05/2020 - 19h00

O número de hospitalizações por síndrome respiratória aguda grave Em Minas Gerais, é de 8.238 em 2020, 513% mais que no ano passado. Apenas 103 amostras foram processadas e 11 mortes confirmadas no estado.

Em Patos de Minas há 3 óbitos por síndrome respiratória aguda grave esse ano, mas não se sabe por qual vírus, segundo o boletim estadual, ou seja pode até ser por COVID-19. O município registrou 44 casos suspeitos da síndrome, mas em apenas 7 foram coletados exames. A gerente da Vigilância Epidemiológica, Elizaine Bicalho, disse que ainda não foi realizada a investigação para determinar a ocorrência dos casos.

O informe epidemiológico publicado nessa segunda-feira, é um levantamento de casos que apresentaram início de sintomas entre 29 de dezembro de 2019 a 02 de maio de 2020.

Patos Já - Informe epidemiológico diz que três pessoas morreram por SRAG em Patos de Minas


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG