Durante oitiva na Câmara vereadores pedem prisão de gerente da Copasa em Patos de Minas

por Odair Cardoso
19/10/2021 - 17h30

Patos Já - Durante oitiva na Câmara vereadores pedem prisão de gerente da Copasa em Patos de Minas

Nesta terça-feira (19), durante os depoimentos realizados na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que apura possíveis irregularidades que teriam sido cometidas pela Copasa em Patos de Minas, vereadores pediram a prisão do depoente, Saulo de Lima Bernardes, gerente do distrito regional da Companhia de Saneamento de Minas Gerais.

Questionado sobre diversos pontos da atuação da estatal em Patos de Minas, o gerente afirmou que a companhia vem cumprido o que está descrito no contrato firmado com o município, tendo ele inclusive participado das tratativas na época da adesão, para que a empresa passasse a prestar o serviço que está em vigência desde então. Saulo ainda ressaltou não haver razões para que ocorra um rompimento.

O vereador Mauri da JL descordou das respostas dadas durante os questionamentos do relator, José Eustáquio, e chegou a acusar o representante da companhia de saneamento de mentiroso. Juntamente com o vereador, José Luis Borges, ele pediu que Saulo de Lima fosse preso, por testemunhar falsamente e ter se negado a apresentar documentação com a prestação de contas da empresa.

A presidente da CPI, Elizabeth Maria Nascimento, informou no entanto, que a procuradoria da Câmara entrará com requerimento judicial para que os documentos sejam entregues. A partir daí será avaliado se as informações contidas nas documentações estão de acordo com o que foi relatado por Saulo de Lima durante a oitiva, para que o legislativo possa então tomar as providências cabíveis.



Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG