Patos de Minas registra baixa cobertura vacinal entre crianças

As doses complementares das vacinas tem sido deixadas de lado pelos pais

por Odair Cardoso
Fonte: Odair Cardoso.
27/11/2018 - 17h52

Patos Já - Patos de Minas registra baixa cobertura vacinal entre crianças

É baixa a procura pela cobertura vacinal para crianças em Patos de Minas. Mesmo com a disponibilidade das vacinas na rede pública de saúde, os pais ou responsáveis tem deixado os cartões de vacinação incompletos. O setor de epidemiologia alerta para os riscos causados pela não imunização.

O Ministério da Saúde preconiza que a cobertura deve chegar em pelo menos 95%. No entanto, segundo a gerente de epidemiologia, Elizaine Bicalho, a cobertura vacinal da poliomielite em Patos de Minas está em 68,13%. Com relação a hepatite “A”, a procura pela imunização está em 73,4%. Outras coberturas também ficam aquém do que deveriam ser como Meningocócia 77,72%, Pneumocócica 74,69%, Tríplice viral D2 67,4% e Varicela 70,99%.

O alerta do setor municipal de sáude é para que os pais procurem os postos para completar a cobertura, uma vez que as vacinas continuam sendo a única forma de garantir que doenças como poliomielite caxumba, rubéola e sarampo, além de outras, não voltem a ser uma preocupação.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG