GAECO e Polícia Militar deflagram Operação Nêmesis em Patos de Minas e São Paulo

Ação visa cumprimento de 42 mandados de prisão, inclusive de agentes públicos

por Redação Patos Já
24/09/2019 - 08h30

Patos Já - GAECO e Polícia Militar deflagram Operação Nêmesis em Patos de Minas e São Paulo

A unidade do GAECO em Patos de Minas, com a cooperação das Unidades do GAECO de Belo Horizonte, Uberaba, Uberlândia, Passos, São Paulo, São José do Rio Preto e das Polícias Militares de Minas Gerais e São Paulo, está deflagrando, nesta terça-feira (24), a Operação Nêmesis em Minas Gerais e São Paulo.

Em Minas, a operação está sendo desencadeada nas cidades de Patos de Minas, Patrocínio, Presidente Olegário, Serra do Salitre, Araxá, Uberaba, Uberlândia, Sete Lagoas e Monte Carmelo. Já no estado de São Paulo, a operação acontece na capital, Mairiporã e São José do Rio Preto.        

A ação visa dar cumprimento a 71 mandados de busca e apreensão, 42 mandados de prisão, expedidos pela Justiça Estadual em Patos de Minas em desfavor de integrantes da sociedade delitiva especializada e de agentes públicos que exercem suas atividades em Patos de Minas e São Paulo, que teriam cometido diversos crimes, entre eles, homicídios, concussão, corrupção, prevaricação, falsidade ideológica,  furto e roubo de veículos, de cargas,  de fazendas, de estabelecimentos comerciais, receptação e adulteração de sinais identificadores de veículos, cárcere privado,  inserção de dados falsos em sistemas de informações dos bancos de dados da Administração Pública, entre outros.

Segundo o GAECO, a investigação está em curso desde 20/03/2019 e contou com diversas medidas investigativas que contribuíram para a elucidação de um dos homicídios, levando a prisão do mandante e os executores pelos agentes do GAECO e guarnições da Polícia Militar, bem como contribuíram para identificar esquema de enriquecimento ilícito, inclusive de agentes públicos através da obtenção de vantagem indevida, os quais deliberadamente e com estabilidade, se uniram  para garantir a perpetuação de ações criminosas diversas.  

Para garantir o cumprimento dos decretos de prisão preventiva e os mandados de busca, apreensão e sequestro de veículos, há a previsão do emprego de 270 policiais militares, viaturas caracterizadas e descaracterizadas, duas aeronaves, drones, cães, Agentes do GAECO de Minas Gerais e São Paulo, Promotores de Justiça, analistas do Ministério Público e serventuários do Poder Judiciário.

Nêmesis

Na mitologia grega, Nêmesis era a deusa do equilíbrio e do destino, que punia o comportamento desviante dos homens que quebravam as leis estabelecidas. Além de ser uma opositora da arrogância e orgulho, Nêmesis também defendia as pessoas que tinham sido punidas por crimes que não tinham cometido.

 


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG