Mãe acusa avô e primo por suposto estupro de criança de 4 anos

A mulher relatou que o filho teria apontado os dois como abusadores

por Redação Patos Já
28/02/2020 - 10h30

Patos Já - Mãe acusa avô e primo por suposto estupro de criança de 4 anos

Na noite dessa quinta-feira (27), a Polícia Militar registrou ocorrência de uma acusação de estupro, que teria sido praticado contra uma criança de quatro anos, pelo próprio avô de 77 anos e um primo de 25. O idoso negou ter cometido o abuso, e o segundo suspeito não foi encontrado pela polícia.

De acordo com o boletim de ocorrência, a mãe contou que na semana passada o filho esteve na residência dos avós paternos, mas que ao retornar para casa, a criança falou que tinham mexido em seu “bumbum”. Questionado sobre quem teria feito isso, o menino disse ter sido o avô e um primo do pai.

A mãe também disse que há cerca de três meses, o garotinho relatou a mesma situação, se queixando de dor e apresentando vermelhidão e assaduras. Mas que na época não procurou a polícia, por ter conversado com o pai da criança, e ele ter dito que ela estaria doida. E que por fazer uso de medicação controlada, não sabia o que estava dizendo.

O boletim diz ainda, que desta vez o menino não se queixou de dor ou apresentou lesão. Mas que a mãe notou uma secreção, "gosma", nas fezes da criança, levantando a suspeita de abuso sexual. O garoto foi levado até o Hospital Regional, onde passou por avaliação pediátrica, que não constatou lesões. No entanto, o médico solicitou exames complementares. As fezes do menino foram recolhidas e encaminhadas para o Instituto Médico Legal - IML.

Ainda conforme o registro policial, o avô negou as acusações e o outro suspeito não foi localizado. O Conselho Tutelar acompanha o caso e aguarda os resultados dos exames, para tomar providências.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG