Publicada portaria de comissão que investigará vereador Lásaro Borges

Lásaro Borges será investigado pela segunda vez na Câmara Municipal

por Redação Patos Já
23/08/2021 - 17h20

Patos Já - Publicada portaria de comissão que investigará vereador Lásaro Borges

A Câmara Municipal de Patos de Minas formou na quinta-feira (19), comissão para investigar o vereador Lásaro Borges, que foi denunciado por suspeita de compra de votos nas últimas eleições. A comissão formada terá como presidente o vereador Daniel Gomes, Gladston Gabriel será relator e Elizabeth Maria (DEM).

A portaria que nomeia os vereadores responsáveis pela investigação da denúncia de estelionato, feita por Francisco Gonçalves de Andrade, contra o vereador Lásaro Borges, foi publicada nesta segunda-feira (23). Eles terão 90 dias para concluir as investigações. A instauração da comissão processante foi votada e aprovada na reunião da última quinta-feira.

Entenda:

Após denúncia à NTV e Patos Já, o aposentado Chiquinho, líder comunitário em Lanhosos, zona rural de Patos de Minas, representou contra o vereador Lásaro Borges na Câmara Municipal e no Ministério Público, alegando que o parlamentar cometeu contra ele corrupção eleitoral e estelionato de vulnerável. Na representação Francisco Gonçalves alega que “indignado e em razão ao engano ardil e o engodo do vereador; diante disso se vê a obtenção da vantagem ilícita e econômica em proveito próprio para obtenção de um cargo público parlamentar em detrimento de um idoso vulnerável que não tem conhecimento de legislação e procedimentos jurídicos e trabalhistas”.

Relembre:

Em 2015, no dia 15/08, com uma votação de 10 a 7 a denúncia contra o Vereador Lásaro Borges sobre o suposto envolvimento com ação de falso oftalmologista ocorrida em um bairro de Patos de Minas, foi arquivada pela Câmara na reunião desta quinta-feira (20).

A Comissão especial apresentou no plenário da casa o relatório sobre a apuração da denúncia contra o Vereador, com dados sobre o suposto envolvimento com a atuação de um falso oftalmologista que realizou atendimentos na sede da Associação dos Moradores do Bairro Alvorada. A votação foi pelo arquivamento com 10 votos favoráveis e 7 contrários dos vereadores, Tonhão da Copasa, Braz Paulo, Edimê Avelar, Bosquinho, Duda, Carlito e Itamar André que consideravam necessário dar prosseguimento as investigações da denúncia.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG