Coromandel decreta toque de recolher e multa para quem promover aglomeração ou deixar de usar máscara

O decreto ainda prevê que apenas o comércio essencial poderá continuar funcionando

por Redação Patos Já
26/06/2020 - 11h00

Patos Já - Coromandel decreta toque de recolher e multa para quem promover aglomeração ou deixar de usar máscara

Depois de Rio Paranaíba, São Gotardo e outros municípios de Minas, agora foi vez da Prefeitura de Coromandel decretar medidas que endurecem as regras para conter o avanço da Covid19. Entre as determinações está o funcionamento apenas do comércio essencial, a proibição de aglomeração e toque de recolher.

O decreto tornou obrigatório o uso de máscaras na cidade com multa de R$ 200,00 para quem descumprir a norma, além de aplicação de penalidade. O texto ainda proíbe a aglomeração de mais de 5 pessoas, mesmo que em caráter familiar, em chácaras, condomínios, residências, sítios ou eventos comemorativos, sob pena de multa de R$ 500,00.

Desde essa quinta-feira (25), passou a vigorar o toque de recolher, das 21h até as 5h do dia seguinte, proibindo a circulação, em todo o município, exceto quanto necessária para acesso aos serviços essenciais e sua prestação, comprovando-se a necessidade ou urgência.

O texto ainda determina que a partir desta sexta-feira (26), apenas o comércio essencial de produtos poderá ser realizado em Coromandel, como em farmácias, supermercados, mercados, açougues, padarias, centros de abastecimento de alimentos, lojas de conveniência, de água mineral e de alimentos para animais, além das distribuidoras de gás, e combustíveis.

O último boletim epidemiológico, publicado ontem pela prefeitura de Coromandel, diz que o município contabiliza, 60 casos suspeitos de coronavírus, 22 casos confirmados, e 1 óbito em decorrência da Covid-19.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG