Justiça determina bloqueio na conta do estado para que cirurgia de urgência seja realizada em paciente de Patos de Minas

Helenita aguarda procedimento desde que foi internada na UPA, há mais de um mês

por Aiandra Faria
17/03/2021 - 17h00

Patos Já - Justiça determina bloqueio na conta do estado para que cirurgia de urgência seja realizada em paciente de Patos de Minas

Helenita Maria de Sousa, de 56 anos, está internada na UPA de Patos de Minas desde o dia 15 de fevereiro deste ano, enquanto aguarda transferência para um hospital, onde deve fazer um procedimento cirúrgico de urgência. Ela precisa passar por uma cirurgia de correção endovascular de dissecção de aorta e ilíacas. Mas, a família dela recebeu informação de que não tem vaga no SUS.

Desde então, com a ação da Defensoria Pública, através do Dr. Mateus Nascimento Avelar, inúmeros pedidos para que o município e o estado paguem pela cirurgia em um hospital particular vêm sendo realizados. Entretanto, mesmo com vários laudos de risco de morte e uma liminar do Tribunal de Justiça, determinando que o estado de Minas Gerais e o município de Patos de Minas realizassem a cirurgia, as partes não cumpriram a decisão.

Diante disso, familiares de Helenita chegaram a fazer um protesto nessa terça-feira (16) na porta da Prefeitura de Patos de Minas e clamaram para que o município se sensibilizasse com o caso. Irene Maria de Sousa, irmã da paciente, chegou a ser recebida pelo Prefeito Luís Eduardo Falcão.

Mas, sem nenhuma solução, foi necessária a interposição de um novo agravo de instrumento no tribunal de justiça, o qual foi provido nessa terça-feira (16), cujo teor é o bloqueio da verba pública do estado, de R$ 160.000,00, o valor da cirurgia, para a efetivação da ordem judicial bem como, se necessária, a aplicação de multa diária.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG