Mais da metade da população acima de 18 anos recebeu a primeira dose da vacina contra Covid em Patos de Minas

Mas apenas pouco mais de 21% foi imunizada com a segunda dose

por Ludmilla Bahia
06/07/2021 - 18h00

Patos Já - Mais da metade da população acima de 18 anos recebeu a primeira dose da vacina contra Covid em Patos de Minas

Mais da metade da população de Patos de Minas, com mais de 18 anos, recebeu uma dose da vacina contra a Covid-19, entretanto, pouco mais de 21% a de reforço. O prefeito de Patos de Minas, Luiz Eduardo Falcão, confirmou nesta terça-feira (6/7), que mudou a ordem do Plano Nacional de Imunização (PNI), e os detentos não serão colocados na lista de prioridade, serão vacinados por idade.

De acordo com os dados da secretaria de saúde de Patos de Minas, das cerca de 112 mil pessoas com mais de 18 anos no município, 56,55% receberam a primeira dose contra a covid-19. 21,28% foram imunizadas com as duas até esta terça. A vacinação segue por idade, mas também conforme a prioridade estabelecida pelo Plano Nacional de Imunização. Os próximos da lista são trabalhadores da Indústria e da Construção Civil.

O vacinômetro mostra que o total de imunizações está em 63.561. Deste total, 23.912 receberam a segunda dose. A maioria foi feita entre os idosos (25.484). Na sequência aparecem, trabalhadores de saúde e educação (12.606), pessoas com comorbidades/BPC/deficientes/ down (11.531) população entre 50 a 59 anos (9.902), transporte de passageiros e cargas (1.600), gestantes/puérperas/lactantes (1.472), forças de segurança/prisional (576), trabalhadores da limpeza pública/situação de rua (390).

Os prefeitos têm autonomia para reorganizar o plano de imunização, conforme a necessidade e entendimento dos municípios, tanto que em Patos de Minas os detentos, que seriam os próximos da lista do PNI, vão ficar pra depois. "Já que todos os servidores do presídio, policiais penais, todas as equipes já estão vacinadas, é uma situação bem específica em que não justifica colocar os detentos como prioritários, trazer este privilégio para eles", declarou Falcão.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG