Vacinação com AstraZeneca para grávidas é suspensa em Patos de Minas após orientação da Anvisa

Agora, só podem ser aplicadas neste grupo a CoronaVac e a vacina da Pfizer

por Redação Patos Já
11/05/2021 - 14h20

Patos Já - Vacinação com AstraZeneca para grávidas é suspensa em Patos de Minas após orientação da AnvisaArquivo Patos Ja.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária recomendou na noite dessa segunda-feira (10), a suspensão imediata do uso da vacina AstraZeneca em mulheres grávidas. A dose estava sendo aplicada em gestantes com comorbidades e começaria a ser ofertada nesta terça-feira em Patos de Minas, mas foi suspensa a aplicação no município, assim como em outras cidades.

A orientação da Anvisa é que a indicação da bula da vacina AstraZeneca seja seguida pelo Programa Nacional de Imunização (PNI), do Ministério da Saúde. A decisão é resultado do monitoramento de eventos adversos feito de forma constante sobre as vacinas contra a covid-19 em uso no país.

“O uso off label de vacinas, ou seja, em situações não previstas na bula, só deve ser feito mediante avaliação individual por um profissional de saúde que considere os riscos e benefícios da vacina para a paciente. A bula atual da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca não recomenda o uso da vacina sem orientação médica”, ressaltou a Anvisa.

Agora, só podem ser aplicadas nas grávidas a CoronaVac e a vacina da Pfizer.


Comentários
Os comentários não representam a opinião do portal e são de responsabilidade do autor

  • NossaFM 105,9 - Patos de Minas/MG
  • NTV - Patos de Minas/MG
  • NossaFM 96,3 - Oliveira/MG